Dois milhões de clientes são afetados por vazamento da Netshoes

A empresa brasileira de comércio eletrônico especializada em artigos esportivos, Netshoes, informou que cerca de dois milhões de clientes brasileiros tiveram seus dados comprometidos após vazamento provocado por um ataque hacker. Os clientes afetados serão contatados pela empresa até abril. 



O ataque cibernético aconteceu em dezembro e, segundo a Netshoes informou à SEC - Securities and Exchange Commission - o órgão regulador dos mercados nos Estados Unidos, os hackers tentaram extorquir a empresa com a liberação dos dados. Em janeiro, o Ministério Público do Distrito Federal notificou a Netshoes para ela informar seus clientes sobre o vazamento. 

Segundo a Netshoes, após apuração interna apoiada por uma empresa especializada em segurança digital, foi possível identificar que não foram comprometidos senhas, números de cartões de crédito e dados bancários, nem a infraestrutura de Tecnologia da Informação da empresa. 

A polícia brasileira está investigando os responsáveis pelo vazamento, se foram externos à companhia, funcionários, ou parceiros. Em caso de tentativa de extorsão, os envolvidos podem ser penalizados com 4 a 10 anos de reclusão. 
 

Copyright © 2018 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Moda - AcessóriosModa - CalçadosEsporteNa mídia
ASSINE A NOSSA NEWSLETTER