Allez Paris Saint Koché

Allez Paris Saint-Germain! A equipe disputa nesta quarta-feira à noite, em casa, num estádio repleto de VIPs, um jogo da Liga dos Campões.  E foi a estrela do desfile da Koché, que aconteceu ontem à noite numa igreja gótica no Marais.


Ver o desfile
Koche - primavera-verão 2018 - Moda feminina - Paris - © PixelFormula

Quase todos os looks incluíam o emblema do time, doseu patrocinador (a Fly Emirates) ou a sua famosa camisa azul cobalto. Embora estes elementos fossem sempre misturados, reorganizados e transformados numa declaração avant garde de roupa esportiva descontraída.
 
Há muito que a Koché é uma das marcas favoritas em Paris. Sua estilista, Christelle Kocher, foi selecionada duas vezes para o LVMH Prize e é fácil perceber porquê depois de vermos este desfile irreverente. O seu maior talento reside numa compreensão perspicaz da moda, que lhe permite combinar referências históricas com street style. Veja-se a sua refinada crinolina, feita apenas de sobras de camisas de futebol pretas e brancas. Ou o trech coat, que nas suas mãos inteligentes se transforma no hábito ousado de uma freira gótica. Kocher adora o seu próprio logotipo, mas também tem coragem de extrapolar as suas proporções em t-shirts masculinas ou minimizá-las em cintos finos e minúsculos.
 
Mas o coração da coleção era o PSG: sua camisa vermelha (para jogos fora), recebeu novos acabamentos – flores em tecido – e foi combinada com calças de corte impecável; a camisa para jogos em casa foi coberta de pequenos cristais Swarovski ou misturada com faixas de renda, chiffon, jersey e algodão para se transformar em divertidos vestidos de cocktail, que lembravam vagamente a estilista Madeleine Vionnet. Usada por um elenco de modelos feroz e multiétnico, a coleção foi apresentada na Igreja de Saint-Merry, uma paróquia famosa pela sua tolerância.
 
“O que eu adoro no Paris Saint-Germain é que são muito mais glamourosos do que as outras equipes de futebol. Têm uma imagem muito chic, que eu adorei ver combinada com a minha própria marca. Tivemos uma colaboração incrível com a equipe mais mítica da França, um clube icônico, especialmente quando se pensa no valor do seu negócio de roupa esportiva”, disse a estilista na sacristia onde funcionou o backstage.
 
O desfile foi muito mais escultural e feminino, embora misturado com uma atitude esportiva, do que os seus desfiles anteriores. Uma tensão inteligente e única que resultou numa excelente declaração de moda. Especialmente para os amantes de futebol.

Traduzido por Estela Ataíde

Copyright © 2018 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Moda - Pronto-a-vestirModa - AcessóriosLuxo - Pronto-a-vestirLuxo - AcessóriosDesfiles